Falso massagista é preso após passar as mãos nas partes íntimas de mulheres em lojas.

Um homem, de 44 anos, foi preso preventivamente por importunação sᕮxual contra funcionárias de lojas em Peruíbe, no litoral de São Paulo. Se passando por massagista, ele levava as mãos às partes íntimas das mulheres. Imagens obtidas pelo g1, nesta segunda-feira (5), mostram o suspeito entrando em comércios para praticar os crimes.

No vídeo é possível vê-lo passando em frente a estabelecimentos no bairro Balneário Stella Maris, como se estivesse escolhendo o alvo. De repente, o homem para em frente a um deles e entra para fazer mais uma vítima.

O g1 apurou que ao menos quatro boletins de ocorrências por importunação sᕮxual foram registrados contra o suspeito. Com base nas denúncias das mulheres, o homem se apresentava como massagista e, durante as conversas, dizia que abriria uma clínica de fisioterapia e massagem

No decorrer do diálogo, ele questionava se as vítimas sentiam alguma dor no corpo. Era a preparação para o crime. Com a resposta positiva e autorização para tocar as mulheres, ele cometia os assédios.

A Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo (SSP-SP) informou, em nota, que os policiais do Setor de Investigações Gerais (SIG) localizaram o criminoso após identificá-lo. Ele foi conduzido à delegacia, onde permanece à disposição da Justiça.

Fonte: G1