Wajngarten e Pazuello na mira da CPI da Pandemia

Wajngarten e Pazuello na mira da CPI da Pandemia

O senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) é cotado para ser vice-presidente da CPI da Pandemia.

Randolfe disse que vai apresentar um requerimento para que o publicitário Fábio Wajngarten, ex-chefe da Secom, seja ouvido pela comissão.

A presença de Wajngarten será de “suma importância” para a investigação, diz Randolfe.

Randolfe também quer realizar uma acareação entre Wajngarten e o ex-ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, na CPI. 

O plano do senador é colocar os dois ex-membros do governo Jair Bolsonaro juntos numa única sessão para serem ouvidos pelos colegas de CPI.

Declarações de Wajngarten sobre a incompetência do ministério comandado por Pazuello foram publicadas em entrevista veiculada pela revista Veja na sexta-feira (22). 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.