Vizinho chama polícia e invade casa de mulheres que tomavam banho na piscina e as acusa de fazer filme pornô

322386 IMAGEM NOTICIA 0

Três mulheres tiveram sua residência invadida por vizinho e policiais por estarem fazendo topless dentro da piscina. O caso aconteceu em São Miguel do Gostoso, no Rio Grande do Norte, no feriado do dia 7 de setembro. De acordo com O Globo, o vizinho denunciou à policia o trio que tomava sol na piscina da casa de um amigo, sem a parte de cima do biquíni. O homem acusou as mulheres de estarem produzindo material pornográfico.  

Uma das vítimas, Marana Torrezani, 35, contou que o homem invadiu a casa gritando no momento em que elas estavam na piscina.  Na ocasião, ele gritou que elas estavam fazendo filme pornô. Ainda conforme Marana, as mulheres ficaram assustadas com o ocorrido.  

Cerca de duas horas depois, elas ouviram outro barulho e acharam que era o vizinho, mas, desta vez foi a polícia, que quebrou o portão da casa e invadiu. “Já vieram bem destemperados, dizendo que levaria todo mundo preso e que iria algemar”, relembrou. 

Segundo os relatos, o trio tentou acalmar a situação e explicar que estavam apenas tomando sol na piscina. “Depois de muita confusão, eles fizeram um acordo com a gente, pedindo que colocássemos o biquini e que o vizinho ficaria vigiando da janela. Se ele visse alguém sem biquíni, ele iria ligar e os policiais iriam invadir e levar todo mundo preso”, contou. 

Em nota, a Polícia Civil do Rio Grande do Norte informou que a ocorrência foi resolvida no local. “A Polícia Civil do Rio Grande do Norte informa que, no dia 7 de setembro, a equipe da Delegacia Móvel instalada em São Miguel do Gostoso foi acionada para uma ocorrência em que ocupantes de um imóvel vizinho ao denunciante estavam despidos na área da piscina de um prédio, o que podia ser visualizado do primeiro andar do denunciante. Após comparecimento dos policiais, os ocupantes do imóvel atenderam ao pedido da equipe, sendo a ocorrência resolvida no local.”

Algo errado com esse post?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.