Criança escapa de tiros, mas presencia execução do pai em loja da família.

Imagens de câmeras de segurança flagraram o momento em que Bruno da Silva Cardoso, de 33 anos, é baleado na loja da família, no bairro Cajuru, em Curitiba. O crime foi registrado nesta quarta-feira (10) e o filho da vítima, uma criança, escapou por pouco dos disparos. O menino aparece nas imagens correndo desesperado logo após o tiroteio (veja abaixo). Bruno chegou a ser socorrido, mas morreu no hospital.

O vídeo mostra o momento em que dois suspeitos chegam na loja, armados, e acertam o primeiro tiro em Bruno. O rapaz cai de uma escada e os homens correm até ele, efetuando mais disparos. Ao todo, a vítima é atingida por oito tiros. Em seguida, a dupla foge. Segundo testemunhas, os suspeitos estavam em um carro, modelo Sandero, e saíram em direção a Pinhais.

De acordo com apuração da RICtv, a Polícia Civil, a princípio, descarta a possibilidade de latrocínio, e acredita que o crime esteja relacionado a um acerto de contas. Outra hipótese investigada pela polícia é de que Bruno tenha sido morto por engano.

Nas redes sociais, amigos e familiares lamentaram a morte de Bruno. “Infelizmente nosso amigo Bruno nos deixou no dia de hoje. O cara mais ranzinza do sistema solar, dono de um grande coração, senso de humor afiadíssimo e um grandioso pai”, escreveu um amigo.

Veja o momento do crime na fonte
Bruno Cardoso chegou a ser socorrido, mas não resistiu.

Fonte :