dentro

Truques infalíveis ajudam a conservar banana madura sem que ela estrague

A banana é uma fruta muito utilizada em preparos do dia a dia dos brasileiros. Ela combina com praticamente tudo: iogurte, como recheio da tapioca, na vitamina, in natura e por aí vai. O motivo para esse sucesso é que, além de saborosa, a fruta é barata e nutritiva.

Apesar de tantos pontos positivos, uma das desvantagens da banana é que ela amadurece e estraga muito rápido. Com isso, não é incomum haver um alto índice de desperdício do alimento pelas pessoas.

Para evitar que isso ocorra, confira a seguir alguns truques de como conservar a banana madura e evitar que ela estrague mais rápido.

4 dicas para conservar a banana madura e evitar o desperdício

1. Não deixe a banana perto de outras frutas

Se você deixar a banana próxima de outras frutas que liberam gás etileno, como o abacate, a maçã, o tomate, o figo e pêssego, por exemplo, o processo de amadurecimento do alimento será acelerado e exigirá que você o consuma o mais rápido possível.

2. Coloque a fruta em um lugar ventilado

A banana deve ser mantida em uma temperatura de 12ºC para que ela fique conservada por mais tempo. Portanto, é preciso levar em conta a temperatura do dia: se estiver muito calor, coloque o alimento na geladeira, mas se o dia estiver ameno e mais frio, basta deixá-lo em um local ventilado.

3. Embrulhe as hastes em plástico

Outra dica valiosa para quem quer manter a banana conservada por mais tempo é envolver as hastes da fruta em um plástico/alumínio ou cortá-las de vez. Isso evita que a liberação do gás etileno acelere o seu processo de amadurecimento.

4. Congele a banana para mantê-la conservada por mais tempo

A última dica, mas não menos importante, é descascar a banana, picá-la e armazená-la no congelador. O que acontece é que, quanto mais baixas forem as temperaturas, mais lento será o processo de amadurecimento da fruta. Lembrando que, mesmo se ela ficar um pouco mais escura após o congelamento, ela ainda estará boa para o consumo.

O que você acha?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.