dentro

Tira-gosto delicioso! Saiba como fazer jiló em conserva em poucos passos e surpreender as visitas

jiló em conserva de uma forma prática e rápida de fazer como você nunca viu. O final de semana está chegando, portanto, essa é uma boa pedida de aperitivo para oferecer e surpreender as visitas. Dessa forma, veja como fazer, hoje, dia 10 de março, com exclusividade aqui na Folha Agro, do Folha Go.

Devido ao seu sabor amargo, por vezes o jiló é confundido com uma leguminosa. Mas, na verdade, ele é um fruto com polpa macia, porosa e de sementes brancas. Além disso, causa dois sentimentos nas pessoas: gostam ou detestam. Porém, o jiló em conserva pertence a outro departamento, capaz de transformar opiniões.

Os benefícios do jiló em conserva na sua saúde

O jiló é muito mais do que um fruto, e muito mais um aperitivo para surpreender as visitas. Na verdade, ele é um poderoso aliado à saúde e traz inúmeros benefícios. Só para começar, o fruto é rico em vitaminas A, C e do complexo B, minerais como cálcio, ferro e potássio. 

Com toda a certeza, você terminará a leitura com mais vontade ainda de fazer jiló em conserva. E para as pessoas que virarem o rosto, é só mostrar os benefícios que o Folha Agro vai te apresentar agora.

Auxilia no combate a diabetes

Há boas quantidades de fibras no fruto e, ao mesmo tempo, é muito pobre em carboidratos. Essas fibras controlam a absorção da glicose e evitam picos e quedas súbitas do açúcar no organismo.

Combate a anemia

O jiló em conserva é uma excelente fonte de ferro, que auxilia em especial o tipo de anemia, chamado de ferropriva. É causado pela privação ou diminuição de ferro no organismo.

Enfrenta o mau hálito

O sabor amargo da fruta estimula as glândulas salivares, que, por sua vez, produzem maior salivação. Assim, é ativada uma poderosa ação bactericida que ajuda a deixar o seu hálito mais fresco.

O jiló em conserva colabora com a pressão arterial

O fruto é rico em potássio, ou seja,100 gramas de jiló, equivale a 213 mg do mineral. Logo, o consumo ajuda a baixar a pressão arterial e regula os níveis de sódio no sangue.

Faz bem para o coração

Tem vitamina B1, a tiamina, que ajuda o coração e tem os flavonóides, os alcalóides e esteróides. O primeiro combate os radicais livres que, por sua vez, entopem e inflamam as artérias. Já os alcalóides e esteróides, também colaboram na redução dos níveis de colesterol ruim, o LDL.

Faz bem para pele, unhas e cabelos

Quem diria que um jiló teria tanto poder, mas como é rico em antioxidantes, sim. Ele tem este poder. Além do mais, combate os radicais livres, que são os responsáveis pelo envelhecimento precoce, por exemplo. E, por fim, as propriedades antifúngicas e anti bactericidas ajudam a manter a saúde da sua pele.

O jiló em conserva nunca foi tão esperado

Com toda a certeza, uma receita nunca foi tão esperada. E depois que as visitas lerem os benefícios desse pequeno fruto, o sucesso está garantido. Então, você precisará para fazer o seu jiló em conserva:

  • 5 a 20 jilós médios;
  • 2 colheres (sopa) de sal;
  • 1 colher (sopa) de açúcar;
  • 2 dentes de alho cortados em fatias;
  • 2 litros de água;
  • Azeite e vinagre (meio a meio, conforme tamanho do vidro).

Se você preferir, para não errar, uma colher de sopa é igual a 12 gramas. É importante que o vidro a ser utilizado para guardar o seu jiló em conserva esteja esterilizado. Em outras palavras, ferva por cinco minutos.

Hora de fazer o jiló em conserva

Agora é o momento da verdade. Mas, primeiramente, o fruto precisa ser lavado e deixado em uma vasilha com água, enquanto a água da panela ferve. É importante verificar se não há furos na fruta. Se positivo, é bem provável que encontre surpresas dentro dela. Tire a parte de cima, do cabinho, e a pontinha de baixo do jiló. Posteriormente, faça um corte em “x”, até a metade.

Coloque o sal, o açúcar e mexa até dissolver. Em seguida, adicione o fruto e deixe ferver por 7 minutos. Além disso, enquanto o jiló está cozinhando, corte o alho em lâminas, que será usado em seguida.

Momento de preparar a conserva

Passado os sete minutos, pegue o vidro já esterilizado e acomode a fruta. Compacte, sem exagero, pois precisa ter espaço entre eles para que a conserva pegue bem. Agora é o momento de colocar o alho no vidro, pois ele saboriza e ajuda a conservar o fruto. Do mesmo modo, coloque o azeite e o vinagre até cobrir o jiló, tampe e dê uma mexida para misturar bem.

Feito isso, o seu jiló em conserva está pronto. Deixe esfriar bem e, posteriormente, coloque na geladeira por três dias antes do uso. É combinar com os amigos o churrasco do final de semana e deixar que o aperitivo fique por sua conta. Um tira-gosto nutritivo, fácil, barato de fazer, que deixará muita gente com gostinho de quero mais. 

Se você gostou de aprender a fazer a receita, deixe nos comentários o que achou e como ficou o seu jiló em conserva. Compartilhe com os amigos e guarde nos seus favoritos. Diariamente tem uma novidade para você.

O que você acha?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.