Sem avisar, homem vai a casa da ex, se depara com o atual dela e acaba morto a facadas durante briga

1626274612673

Nesta terça-feira (13), um motorista de aplicativo identificado como Hudson Oliveira da Silva, de 33 anos, foi morto pelo atual marido da ex-esposa. O crime ocorreu na rua Frei José de Leoniza, no conjunto João Paulo 2, no bairro Nova Cidade, zona Norte da capital amazonense.

De acordo com informações das autoridades policiais, Hudson apareceu na casa da ex-esposa, não identificada. A mulher não se encontrava no local e o motorista acabou por se deparar diretamente com o atual dela, um homem identificado apenas como Robson.

Em meio a uma discussão violenta na residência, Robson acabou se armando com uma faca e desferiu dois golpes brutais, um no peito e outro nas costas de Hudson.

A vítima foi socorrida e encaminhada ao Serviço de Pronto Atendimento (SPA) da Galileia, mas não resistiu e veio a óbito na unidade de saúde.

O Instituto Médico Legal (IML) foi acionado para realizar a remoção do corpo. A Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) deve investigar o caso.

Perseguição que era caso de polícia

Conforme relatos oficiais, a ex-esposa de Hudson tinha uma medida protetiva contra o homem, que a perseguia mesmo depois do fim do relacionamento. Hudson chegou a assumir relação com uma mulher que morava na mesma rua da ex-esposa, só para ficar mais perto dela e, com isso, acumulava um histórico de confusões, que vão desde intrigas a ameaças constantes, o que explica a existência do mecanismo legal que a mulher conseguiu na Justiça para resguardar sua integridade física e psicológica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.