Repórter é obrigada a usar véu após invasão do Talibã no Afeganistão

IMG 20210817 122038

No último domingo (15/8), o Talibã (movimento fundamentalista islâmico nacionalista extremo) tomou o controle do Afeganistão e esse movimento afetou diretamente as mulheres que são repórteres e correspondentes no país.

Por conta do novo domínio territorial, Clarissa Ward, da CNN, e outras profissionais foram obrigadas a usar véu para cobrir o corpo todo, com lenço no cabelo, deixando apenas o rosto à mostra. Antes do novo regime, as mulheres podiam usar roupas casuais.

Após a tomada do Talibã em Cabul, capital afegã, uma série de medidas foram feitas pela organização, como o apagamento de imagens de mulheres nos muros da cidade.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.