Repórter da TV Globo é ameaçado durante a Maratona de Nova York

Sem titulo 263

O correspondente da TV Globo em Nova York nos Estados Unidos Tiago Eltz foi hostilizado e ameaçado durante a cobertura da maratona de Nova York, nos Estados Unidos.

O agressor, que se identificou como Carlos Curi, chamou o jornalista de “bundão”, “vagabundo” e “otário”, e ameaçou arrancar o braço de Eltz e “levar para casa”.

“Domingo, 2 da tarde, na maratona de NY. Estava segurando o microfone da Globo quando esse casal começou a me xingar e a gravar, aparentemente se divertindo. Eles passaram e quando o homem começou a voltar eu comecei também a gravar. O resto tá no vídeo”, disse.

“To postando porque ele fala o nome dele – Carlos Curi (Cury?) – e talvez alguém que saiba onde ele trabalha, ou conheça a família, pode encaminhar o vídeo e talvez ele possa receber ajuda. Ajuda, porque é isso que acho que precisa alguém que anda na rua ameaçando arrancar o braço de alguém que ele não conhece”, finalizou.

VEJA O VÍDEO CLICANDO NA FONTE ABAIXO:

Algo errado com esse post?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.