Qual o risco que a tinta de tatuagem oferece à sua saúde?

6 98

Você tem uma tatuagem? Não é novidade nenhuma que as pessoas estão cada vez mais entusiasmas ao fazerem tatuagens, sendo que é uma cultura presente em todos os lugares, como Europa e na América do Norte. E com toda essa tinta, há um número crescente de efeitos colaterais relacionados à tatuagem.

Existem dezenas de alérgenos conhecidos em tintas de tatuagem, incluindo substâncias metálicas e pigmentos orgânicos, que permanecem relativamente sem controle na América do Norte.

Yolanda Hedberg, presidente de pesquisa da Western no Canadá em ciência da corrosão, liderou um estudo sobre tintas de tatuagem na Suécia, em colaboração com outros pesquisadores do KTH Royal Institute of Technology, do Centro de Medicina Ocupacional e Ambiental e da Universidade de Graz, na Áustria. 

Os pesquisadores analisaram 73 amostras de tinta de tatuagem coletadas de fornecedores e varejistas online, muitos dos quais foram fabricados nos Estados Unidos, e descobriram que a maioria não atende aos padrões da indústria.

As reações alérgicas podem ocorrer muito depois da modificação corporal. As alergias cutâneas ocorrem quando o sistema imunológico do corpo reage a uma substância química estranha. 

A legislação europeia e sueca exige que os fabricantes declarem informações sobre o conteúdo, nome e endereço do fabricante, além de data mínima de durabilidade, esterilidade, número do lote e armazenamento legível no rótulo do produto para tintas de tatuagem. Também há outras restrições para o conteúdo máximo de certos metais e impurezas, bem como recomendações para evitar certos pigmentos.

De acordo com Hedberg – professor do departamento de química da Western – a legislação de tinta para tatuagem no Canadá e nos Estados Unidos é muito mais flexível e esse não seria o único problema: “Quase todas as pessoas no mundo podem fazer o pedido online de quase todas as tintas de tatuagem que desejarem.”

Com isso, 93% das amostras violou os requisitos legislativos europeus. Os métodos de teste de adesivo e alergia não aceitos pelos dermatologistas foram incorretamente recomendados para muitas amostras. Na pior das hipóteses, o teste recomendado pode realmente iniciar uma alergia.

A química das tintas de tatuagem é potencialmente ainda mais perigosa. Isso porque os traços de metais potencialmente nocivos, níquel e cromo, estavam presentes em todas as amostras. Ademais, algumas outras impurezas como arsênio, mercúrio e chumbo também estavam presentes em uma amostra cada. 

As tintas da cor azul e verde continham cobre, que excedeu o limite europeu de restrição em três amostras. Vários outros pigmentos, que foram proibidos ou declarados como não adequados, foram encontrados em 61 por cento das tintas de tatuagem, incluindo pigmento vermelho 22, pigmento vermelho 170, pigmento azul 15, pigmento verde 7, pigmento violeta 23, pigmento vermelho 122, e pigmento violeta 19.

“Este estudo sugere que as tintas de tatuagem devem ser mais bem controladas e os consumidores devem ser mais cuidadosos”, concluiu Hedberg.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.