Professor é preso por estuprar 5 adolescentes de 12 a 16 anos de idade

pai de santo

Segundo a polícia, ele ‘ensinava’ como fazer sexo oral nele

Após dois meses de investigações, a polícia prendeu o professor de 32 anos que estuprou cinco meninas em um lar beneficente, no bairro Tiradentes Mato Grosso do Sul. De acordo com o apurado, ele ‘ensinava’ como fazer sexo oral nele e como enviar fotos íntimas.

O homem passou por depoimento na quarta-feira (5), mas permaneceu calado e disse que falaria somente em juízo. “O professor foi preso em flagrante pelo armazenamento deste tipo de material e também praticou estupro de vulnerável e produção de conteúdo pornográfico infanto-juvenil, principalmente porque orientava como elas deviam fazer. Nós também levamos para a delegacia um celular e objetos que ele usava para a prática dos crimes, como pênis de borracha”, disse a delegada do caso.

As investigações constataram que o professor se aproveitava da amizade construída com as adolescentes, que tinham entre 12 a 16 anos de idade. As meninas enviavam fotos nuas e o investigado guardava tudo em três notebooks, que foram apreendidos.

“O professor também aparece nas imagens e as vítimas se reconheceram nestas filmagens, bem como o local, que era a sala de informática do lar beneficente. O local inclusive foi reformado recentemente, trocaram o piso e a administradora do local também confirmou ser a sala”, ressaltou a delegada.A polícia continuará com as investigações e acredita que existem mais vítimas.

Algo errado com esse post?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.