Premiação por título da Libertadores remde bônus a todos os funcionários do Palmeiras

inbound5077325252676514016

O título do Palmeiras na Libertadores vai render um salário extra para todos os funcionários do clube. Parte da premiação que ainda será paga pela Conmebol pela conquista desta temporada será revertida como bonificação às pessoas que trabalham no dia a dia da Academia de Futebol e da sede social.

Pela campanha na edição de 2021 do torneio sul-americano, os palmeirenses vão totalizar cerca de R$ 126 milhões em premiações. Deste valor, uma parte servirá para pagar o prêmio aos jogadores pelo título, mas o elenco fez um acordo com a direção para abrir mão de uma fatia e dividir com o clube esta homenagem aos funcionários.

PUBLICIDADE

Apenas a vitória na final contra o Flamengo, por exemplo, vai render R$ 84 milhões ao Verdão somente via Conmebol – o contrato com a Crefisa prevê o pagamento de mais R$ 12 milhões como bonificação pela conquista da Libertadores.

A decisão repete o que a diretoria do Verdão havia feito após o título sul-americano vencido em janeiro, contra o Santos. Naquela oportunidade, as pessoas que trabalham em outras áreas do clube também fizeram parte da premiação.

O tema foi abordado na Academia de Futebol em reuniões da diretoria com o elenco. O clube reduziu a margem de arrecadação e diminuiu a parte destinada aos atletas, que concordaram com a divisão com todos os funcionários.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.