Polícia prende gato com celulares amarrados nas costas tentando escalar muro de penitenciária

gato 1

Felino foi flagrado quando tentava escalar portão de cadeia em Komi. ‘Contrabando’ estava preso por fita adesiva

Os serviços penitenciários russos anunciaram na segunda-feira a captura de um gato que era utilizado para transportar ilegalmente celulares para uma prisão localizada na república de Komi, no norte da Rússia.

O gato foi flagrado na sexta-feira à noite quando tentava escalar o portão da colônia penitenciária 1, com dois aparelhos amarrados em suas costas, indicou a autoridade regional de execução de penas em um comunicado.

Os serviços penitenciários regionais publicaram uma fotografia do gato preto e branco, sendo segurado pela pele do pescoço por um guarda, com sua carga presa por uma fita adesiva.

“Tentativas de tentar fazer passar objetos proibidos para a colônia penitenciária 1 já haviam sido descobertas. Mas o caso do gato nos deixou sem palavras: nunca tinha acontecido antes na história da prisão”, acrescentou a mesma fonte.

Algo errado com esse post?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.