Pedreiro é morto por servente a machadadas enquanto dormia

Sem titulo 259

O pedreiro Rozivaldo Fonseca de Oliveira, de 44 anos, foi morto a machadadas por um servente enquanto estava dormindo. O crime foi na madrugada deste domingo (7), em Balsa Nova, região metropolitana de Curitiba, depois de uma noite movida a bebidas e discussão.

Eles moravam há três meses juntos e estavam trabalhando em uma obra. Segundo o chefe da obra, os dois tinham um bom relacionamento e ele ficou assustado com a informação do assassinato.

“Os dois trabalhavam comigo. E ficavam alojados aqui, tem uma casinha. A distância para Curitiba é longe. Me ligaram bem cedo, estava vindo e o meu vizinho ligou e me avisou que um matou o outro”, disse em entrevista à Banda B.

Mesmo se conhecendo há pouco tempo, o pedreiro e o servente não brigavam, nunca demonstraram agressividade, segundo o empreiteiro. “Não tinham nada. Se conheceram na obra, há uns três meses, sempre se deram bem, colegas de trabalho”, disse ele. “O que morreu tinha filhos, não era casado”, completou.

O tenente Ratman da Polícia Militar (PM) explicou que a briga começou após os dois terem bebido na noite anterior.

“Motivação fútil. Tiveram um desentendimento após ingerirem bebida alcoólica e possivelmente outra substância e entraram em vias de fato. Um deles esperou o outro dormir quando desferiu golpes com um machado e ele não pode se defender e morreu no local”

Explicou.

O servente de 20 anos se entregou para a polícia no local e foi encaminhado para a Delegacia.

Algo errado com esse post?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.