Pastor afirma ter sonhado com prisão de Alexandre de Moraes

edson sturmer e alexandre de moraes

O pastor Edson Stürmer, líder da Igreja Aviva, em Panambi, Rio Grande do Sul, compartilhou no Facebook o relato de dois sonhos que teve, sendo que um deles envolvendo o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF). No sonho, de acordo com o relato do pastor, o ministro foi preso.

Stürmer afirma que Deus mandou que ele compartilhasse o sonho nas redes sociais, por isso decidiu obedecer e tornar público o sonho, que acredita ter cunho profético.

“Tive dois sonhos a alguns meses atrás e havia compartilhado com os líderes da nossa igreja logo após sonhar, para que eles fossem testemunhas do que possa acontecer mais pra frente”, iniciou o pastor.

Legislativo e Judiciário

De acordo com o pastor, ele teve dois sonhos, sendo que um aconteceu depois de ter visto o vídeo da jovem pregadora com deficiência visual, chamada Vitória Fernandes, que havia viajado do Rio Grande do Norte para entregar uma mensagem profética ao presidente.

O primeiro sonho foi com os chefes da Câmara, do Senado e do Supremo, na época, Rodrigo Maia, Davi Alcolumbre e Dias Toffoli, respectivamente. No sonho eles admitiam o desejo de derrubar o presidente da República, Jair Bolsonaro.

Ainda em seu primeiro sonho, o pastor alertou os três de que o presidente estava naquela posição por permissão divina e que eles não deveriam tentar tirá-lo do poder. “Eu disse que eles deveriam pensar bem e não cometer tal ação, pois tinha sido Deus que havia posto o Bolsonaro no governo para que acontecesse uma transformação maravilhosa do Brasil”, relatou.

Prisão de Moraes

Edson Stürmer compartilhou ainda um segundo sonho, envolvendo o ministro Alexandre de Moraes, dois dias depois de ter sonhado o primeiro, no dia 07 de julho do ano passado.

“Sonhei que eu estava em um carro da polícia junto com um delegado. Chegamos até um local desconhecido, paramos o carro e eis que surge o ministro Alexandre de Moraes, sendo conduzido algemado por outro policial entrando nesse carro, pois seria preso”, disse.

Ele afirma também que mais tarde apareceu o presidente da República, Jair Bolsonaro, dizendo ao delegado que tratasse o ministro com respeito, por ser um ministro do STF.

“Creio que esse sonho esteja revelando o que está para acontecer em um futuro não muito distante. Se ele mesmo será punido, preso, ou outra pessoa do Supremo possa acabar tendo algum tipo de punição, o futuro nos dirá, mas o certo é, que, esse foi um sonho dado por Deus a mim”, disse.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.