“Para mim não dá”, Xuxa fala sobre separação, não se aguenta e perde a linha: “Me traía do começo ao fim”

16050678515fab644b356a116050678513x2md

A apresentadora expôs as lições que levou das separações e confirmou chifres

Representando a sinceridade dos arianos, Xuxa Meneghel participou do Jornada Astral de Angélica e revelou que já foi traída em um de seus relacionamentos.

Ao ser questionada pela amiga de longa data sobre a intensidade em suas relações por conta do signo, a mãe de Sasha revelou que seu primeiro relacionamento foi conturbado.

“Todas as pessoas que namorei, posso dizer que amei mesmo. Pouquinho para mim não dá. Vivi com o Pelé seis anos, ele é escorpião. Intenso e tenso. Aprendi muita coisa que eu não devo fazer, mais do que eu devo fazer”, disse Xuxa.

Logo depois, a eterna rainha dos baixinhos falou sobre o relacionamento com o saudoso Ayrton Senna, que também era escorpiano. Neste caso, os dois eram muito orgulhosos. A loira revelou que achou que voltaria com o piloto algum dia, mas, ele acabou morrendo.

Justamente por conta disso, Xuxa não perde tempo e entregou que ela foi a responsável por dar o pontapé inicial na relação com o atual, Junno Andrade. Tudo começou quando Sasha tinha 14 anos e a apresentadora o chamou para sua casa. Desde então, eles não se separaram mais.

O músico, virginiano, recebeu diversos elogios de sua amada e ela disse que ele será seu “eterno namorado”. Junno surgiu em recado à Xuxa no Jornada Astral e chegou a se emocionar ao falar o quanto ama a loira.

Pois bem, como dito anteriormente, a mãe de Sasha representou toda sinceridade dos arianos. Ao final do episódio, ela estava com Thaynara OG, que foi questionada sobre ter sido traída em relacionamentos passados.

CHIFRES

A influenciadora mal respondeu quando Xuxa resolveu revelar que já levou chifres. “Era de escorpião e me traía do começo ao fim. O cara escreveu um livro e falou sobre quem ele estava ficando. Eu pensava: ‘Mas ele estava comigo essa época’.”, disse.

Por incrível que pareça, em “Jornada Astral”, a rainha dos baixinhos expôs que os dois escorpianos de sua vida foram Ayrton Senna e Pelé. No entanto, apenas o craque do futebol escreveu uma autobiografia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.