Palmeiras vende Borja para o Junior Barranquilla, veja o valor

inbound6246255584629698365

Palmeiras por Borja

Valor de 4,5 milhões de dólares por 50% dos direitos do atacante está previsto no contrato de empréstimo

Um dos destaques do futebol sul-americano na temporada, o atacante Miguel Borja não voltará ao Palmeiras. Emprestado ao Júnior Barranquilla até o final de junho, o centroavante vive boa fase e, por isso, o clube colombiano efetuará a compra de 50% dos direitos econômicos do jogador, pelo valor de 4,5 milhões de dólares (aproximadamente 22,5 milhões, na cotação atual).

LEIA TAMBÉM: Mauro Beting critica Lucas Lima após meia ser flagrado em festa: “Um dos piores custos-malefícios do Palmeiras”

Anteriormente, o Junior, segundo o agente do jogador, ofereceu 3 milhões de dólares, mas a proposta foi rejeitada pelo Verdão. Assim, segundo apurou o LANCE!/NOSSO PALESTRA, os colombianos aceitaram o desejo alviverde e notificaram o clube brasileiro de que irão ativar a cláusula de compra prevista em contrato. Com isso, os clubes precisam, apenas, chegar a um acordo sobre os prazos para o pagamento.

Deste modo, Miguel Borja deixará o Palmeiras em definitivo. A saída do atacante será um importante fator para as contas palestrinas em 2021, dado que o time não vendeu o atacante Dudu e tampouco se classificou para as quartas da Copa do Brasil, como previsto no orçamento no início da temporada.

O jogador chegou ao Alviverde em 2017, pelo valor de 10,5 milhões de dólares (cerca de R$ 34 milhões, na cotação da época), com investimento da Crefisa. O Maior Campeão Nacional, com isso, adquiriu 70% dos direitos do atleta, que foi eleito o melhor jogador da América do Sul em 2016. Posteriormente, o clube teve de comprar os 30%, devido a cláusulas contratuais, por 3 milhões de dólares.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.