Palmeiras não termina com o mesmo treinador do inicio ao fim do Brasileiro, Desde 2016

inbound4743963281357657257

Neste domingo, o Palmeiras fará a sua estreia no Campeonato Brasileiro. A equipe comandada por Abel Ferreira enfrenta o Flamengo, no Maracanã, às 16h. O técnico português vai em busca de algo que não acontece desde 2016 no Verdão: iniciar e concluir a competição nacional como treinador do time.

PUBLICIDADE

Em 2016, o Palmeiras conquistou o Campeonato Brasileiro sob o comando de Cuca. O técnico chegou ao clube palestrino em março daquele ano, pedindo demissão em novembro, logo após o título nacional. À época, ele alegou que deixou o Alviverde por “problemas pessoais”.

Na temporada seguinte, Eduardo Baptista foi demitido antes do início do Brasileirão. Para o seu lugar, Cuca foi recontratado pelo Palmeiras. O técnico perdurou até a 27ª rodada, quando foi sacado pela direção. O time foi dirigido pelo interino Alberto Valentim até o final da competição.

Em 2018, o Palmeiras teve Roger Machado à beira do campo no início. O técnico foi demitido na 15ª rodada do campeonato, dando lugar a Felipão, que viria a conduzir o Verdão à conquista do título ao final da temporada.

No ano seguinte, Felipão seguiu no comando do Palmeiras até a 17ª rodada do Brasileiro, sendo demitido após dura derrota para o Flamengo. A diretoria contratou Mano Menezes para o cargo, porém o técnico não teve vida longa, sendo desligado da função após outra derrota para o Rubro-Negro, no Allianz Parque. Andrey Lopes terminou a temporada como interino.

Por fim, em 2020, Vanderlei Luxemburgo era o técnico do Palmeiras no início do Brasileirão. O técnico, que havia conquistado o Campeonato Paulista, caiu após uma derrota para o Coritiba no Allianz Parque, na 16ª rodada. Duas semanas depois, acertou a contratação de Abel Ferreira, que está no comando até hoje.

Desde que estreou pelo Palmeiras, em novembro do ano passado, o técnico português comandou a equipe em 54 partidas, com 30 vitórias, dez empates e 13 derrotas. Com pouco mais de seis meses de trabalho, Abel já conquistou a Copa do Brasil e a Libertadores pelo Verdão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.