Pais alegam que dormiram sobre bebê morto com apenas 28 dias

Sem titulo 317

A Polícia Civil de Goiás (PCGO) investiga a morte de um bebê de 28 dias, em Aparecida de Goiânia, na região metropolitana da capital goiana. Segundo a investigação, os pais chegaram com a criança já morta a uma unidade de pronto atendimento (UPA) e disseram que teriam dormido em cima do filho recém-nascido.

De acordo com informações preliminares colhidas pela Polícia Militar de Goiás (PMGO), os pais disseram que colocaram a criança na mesma cama em que estavam e pegaram no sono. Ao despertarem, eles perceberam que a criança desacordada na sexta-feira (10/12) e, imediatamente depois, foram para a UPA no Setor Buriti Sereno.

Ao chegarem à unidade de saúde, de acordo com o boletim de ocorrência, os pais receberam a confirmação de que o recém-nascido já estava morto. Em seguida, a equipe médica acionou a PM e o Instituto Médico Legal (IML).

Os pais permaneceram no posto de saúde para fornecer todas as informações para a investigação. O caso foi registrado na Polícia Civil, que solicitou exame cadavérico, para continuar a investigação.

A investigação está sob responsabilidade do Grupo de Investigação de Homicídios de Aparecida de Goiânia (GIH).

Algo errado com esse post?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.