'Novo Lázaro': Homem é procurado após matar esposa grávida, enteada e fazendeiro

Sem titulo 29

Cinco meses após o desfecho do caso Lázaro Barbosa, moradores da zona rural de Goiás e do Distrito Federal voltam a conviver com a angústia provocada por outro assassino em fuga que se escondeu na mata e segue foragido depois de matar a esposa – grávida de quatro meses-, a enteada de dois anos e oito meses, e também um fazendeiro da região. 

O crime ocorreu no domingo (28.nov), em uma fazenda a 20km de Corumbá de Goiás (GO). Wanderson Mota Protacio, de 21, após cometer o duplo homicídio, roubou a arma do patrão e assassinou um outro fazendeiro, Roberto Clemente, de 73 anos.

Ele tentou abusar sᕮxualmente da esposa da vítima, que só não foi assassinada porque se fingiu de morta depois de ser atingida por um tiro no ombro. O criminoso, então, furtou a caminhonete do fazendeiro e fugiu em direção a Abadiânia (GO), onde vendeu alguns objetos.

Na manhã desta 3ªfeira (30.nov), duas das vítimas foram veladas, Ranielle Aranha Figueiró, esposa do foragido, e Geysa Aranha da Silva, enteada do homem. 

Cerca de 50 policiais da Polícia Militar e Civil de Goiás já participam da busca pelo foragido, que estaria escondido na mata entre Abadiânia e Alexânia, cidades próximas de Brasília (DF). Segundo informações, o secretário de Segurança Pública do Estado de Goiás, Rodney Miranda, vai até Abadiânia, onde o homem foi visto pela última vez. 

Wanderson Mota Protacio já era suspeito de cometer um outro crime em 2019. Uma tentativa de feminicídio, também no estado de Goiás. 

VEJA A REPORTAGEM:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.