dentro

Nota rara de R$ 50 pode ser vendida por até R$ 4 mil; veja como

Nota de R$ 50 pode gerar um valor ainda maior ao dono que desejar vendê-la. O mercado de moedas e cédulas raras costuma movimentar a economia com milhares de reais. Os chamados numismatas, colecionadores desses itens, não economizam dinheiro para garantir mais um bem para sua coleção.

Dentre as cédulas mais procuradas por esses admiradores, está a nota de R$ 50, que não possui a frase: “Deus seja louvado”, perto na numeração. A frase foi abolida das cédulas em 1994 por meio de um projeto de lei que afirmava que a impressão não podia prosseguir, uma vez que o país é considerado laico.

Neste sentido, na época um lote foi impresso sem a frase, o que fez com que a tornasse rara hoje em dia. No entanto, após cinco meses da aprovação do projeto de lei, o ministro da fazenda Rubens Ricupero, ordenou que a mensagem voltasse a ser impressa na nota de R$ 50 novamente.

Logo, se você tem uma cédula de R$ 50 sem a famosa frase, saiba que tem uma raridade em mãos. Conforme uma pesquisa do mercado, o valor médio oferecido para pagamento desse item é de R$ 4 mil.

Todavia, não é só a nota com a frase religiosa que é considerada rara. Atualmente, a cédula de R$ 50 com a assinatura do ministro da fazenda Pérsio Arida, que ficou poucos meses no cargo, também é considerada importantíssima para os colecionadores. Estima-se que apenas 400 mil unidades contendo a assinatura do executivo foram impressas.

Se possui uma dessas cédulas, saiba como vendê-la

Como mencionado, os colecionadores não têm medo de colocar a mão no bolso quando encontram o seu item raro. Diante disso, é possível receber altos valores com a venda de uma das notas.

Normalmente, os melhores sites para vender tais bens são dos de vendas e e-commerces, como a Shopee, Mercado Livre e a OLX. Outra opção é buscar por grupos de colecionadores, que podem ser encontrados em redes sociais.

O que você acha?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.