Mulher entra em loja para comprar flores e sai de ambulância após ser agredida

5 2

Uma acusação de furto provocou uma grande confusão em uma loja em São Vicente, no litoral paulista. Maria do Socorro, de 54 anos, foi à loja comprar flores artificiais para enfeitar a igreja que frequenta. 

Com as flores em mãos, a mulher foi acusada de furto, humilhada e agredida pela dona da loja. A comerciante chamou a polícia, mas Dona Maria passou mal e precisou ser levada ao hospital. 

As duas registraram boletins de ocorrência, a comerciante por furto e Maria do Socorro por lesão corporal e calúnia. CLIQUE NA FONTE ABAIXO PARA ASSISTIR A REPORTAGEM.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.