Mulher é torturada por três dias pelo namorado

0 30

Uma estudante foi torturada pelo namorado durante três dias na Baixada Fluminense. O homem, que foi preso, também agrediu o filho da vítima, uma criança de 4 anos. O motivo da violência foi o desejo da mulher em terminar o relacionamento. 

“[O homem] Começava a me furar com a faca. Me batia muito, me chutava, batia minha cabeça. Me bateu com meu telefone. Ele teve um surto muito grande”, afirmou a vítima, a estudante Carolayne de Melo. O namoro com o agressor, Ueligton Silva do Nascimento, de 40 anos, tinha dois meses. A jovem, que acreditava no futuro do relacionamento, decidiu morar junto com o homem. Em seguida, ela começou a perceber o comportamento violento do parceiro e decidiu encerrar a relação. 

Após descobrir a intenção da namorada, Ueligton a manteve refém e passou a torturá-la. Ela conseguiu escapar depois de um descuido do homem e se abrigou na casa de uma prima dele. Ueligton foi preso na 2ª feira (06.dez). Ele vai responder por tortura e cárcere privado.

VEJA A REPORTAGEM:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.