Mulher é sequestrada e morta a tiros pelo ex-marido

paloma oliveira 418x235 1

A atendente Paloma Oliveira, de 33 anos, foi sequestrada e morta pelo ex-marido Edgar Napolitano, na quinta-feira (17), em São Paulo (SP). Após o crime, o homem fugiu e é procurado. De acordo com a polícia, câmeras de segurança mostram o momento que o homem atirou na ex-mulher. As informações são do G1.

Conforme a investigação, Edgar foi de carro até a casa da ex-sogra e sequestrou a ex-mulher na frente dos três filhos que eles têm. Em seguida, o ex-marido levou a vítima a um estacionamento de um supermercado, onde a executou. Na sequência, ele fugiu com o carro, mas abandonou o veículo a alguns quilômetros distante do mercado.

O caso foi registrado como ameaça, sequestro, cárcere privado, violência doméstica e feminicídio. Paloma e Edgar foram casados por 19 anos. A filha mais velha deles tem 17 anos, o menino do meio tem 11 e a caçula tem 7.

Conforme parentes, Edgar já havia sido preso por dois meses depois de agredir Paloma. A mulher teria uma medida protetiva determinada pela Justiça contra o ex-marido.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.