Mulher diz que tentou pular de ponte por não suportar ver filhos pedirem comida

19014e56a17eb0625a9b6f2eb86b0471

Ver os cinco filhos de (oito, sete, cinco, três e um ano) chorando por não ter o que comer em casa foi o que levou a jovem Larissa de Campos Barros, 25 anos, a tentar contra a própria vida na tarde do último domingo (19). 

Ela tentou se jogar da ponte Júlio Müller, no bairro do Porto, em Cuiabá, mas foi salva por policiais militares.

Para o , a dona de casa contou que sobrevive com o Bolsa Família e que ontem, perdeu o controle por não aguentar mais ver os filhos sofrendo com a fome.

“Ontem estava sem cabeça, desesperada, meus filhos chorando pedindo comida e não tinha nada para dar. A gente sobrevive com R$ 294 que recebo do Bolsa Família e não é suficiente para comprar o que comer, pagar aluguel, luz e água”, contou.

“Ontem pensava que pular resolveria o meu problema, mas os policiais conversaram comigo e me acalmaram. Hoje entendo que isso não resolveria nada”, completou.

Larissa mora em uma quitinete com os filhos e o marido no bairro São Mateus, em Várzea Grande. Ela explicou que o companheiro ficou sem emprego durante a pandemia, ocasião em que os problemas financeiros começaram.

O pai das crianças já teria conseguido um novo emprego, mas ainda aguarda a abertura da empresa para começar. Atualmente, a família precisa de doação de alimentos, principalmente leite e carne.

A mãe também destaca o pedido de fralda para os filhos pequenos.

“Eu só quero ver meus filhos alimentados. Se eles tiverem o que comer, já estou feliz”.

Quem puder ajudar essa família pode entrar em contato pelo telefone: Clique Aqui  

O disponibilizou sua conta pix para depósitos, e se encarrega de repassar em mãos para Larissa, pois ela não possui conta em banco.

 PIX: 18804934000141

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.