Manifestantes fazem protestos contra Bolsonaro em todo o Brasil

bolsonaro e alvo de criticas em manifestacoes por todo o brasil foto arquivo blastingnews 2672486

Manifestantes foram às ruas para pedir o impeachment do presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

As manifestações foram organizadas por centrais sindicais, entidades, movimentos sociais. Vinte partidos participaram dos atos: Rede; UP; PV; PSL; PSDB; PSB; PSD; Solidariedade; Podemos; PL; PDT; MDB; DEM; Cidadania; PCO; PSTU; PCB; PCdoB; PSOL e PT.

De acordo com o site G1, aconteceram manifestações em todos os estados do Brasil, em 93 cidades, incluindo as 27 capitais.

Rio de Janeiro

No Rio de Janeiro, os manifestantes se reuniram no centro da cidade.

Eles caminharam por um longo pedaço da Avenida Rio Branco em direção à Cinelândia.

Um enorme botijão de gás estava simbolizando alta da inflação e dos preços. Foram vistos com os manifestantes cartazes que pediam a saída do presidente Bolsonaro, além de várias críticas à atuação do Governo federal na gestão da pandemia do coronavírus e na economia.

São Paulo

Na cidade de São Paulo o protesto aconteceu na Avenida Paulista. Os protestantes levaram um boneco que estava representando o presidente Jair Bolsonaro e a defesa do mandatário a remédios sem eficácia contra a Cøvid-19.

Várias personalidades políticas fizeram discursos, como a presidente nacional do PT, Gleisi Hoffmann; o deputado Paulinho da Força, o presidente do Solidariedade; o ex-ministro da Educação e ex-prefeito da capital paulista, Fernando Haddad (PT); Ciro Gomes (PDT); Manuela D’Ávila (PCdoB); Guilherme Boulos (PSOL); Marcelo Freixo (PSB) e Heloísa Helena (Rede).

Também foi lembrado pelos manifestantes o escândalo em que a operadora de palnos de saúde Prevent Senior está envolvida.

Os manifestantes também homenagearam as quase 600 mil pessoas que perderam suas vidas para o novo coronavírus.

Brasília

Na capital do país os manifestantes realizaram uma caminhada até a Esplanada dos Ministérios.

Também houve homenagem para as quase 600 mil mortes causadas pelo Sars-Cov-2. A política econômica do governo Bolsonaro também foi alvo de críticas.

Belo Horizonte

Na capital mineira os protestos aconteceram na Praça da Liberdade. Os manifestantes também lembraram dos escândalos da saúde revelados pela CPI da Cøvid no Senado.

Foi exibida uma faixa que pedia a saída tanto de Jair Bolsonaro quanto do vice-presidente Hamilton Mourão (PRTB). Além das críticas à economia, lembraram da crise energética que o país está atravessando.

Salvador

Na Bahia, os protestos aconteceram com os manifestantes vestidos de branco e tocando percussão. Eles pediram a saída do ocupante do Palácio da Alvorada e criticaram os aumentos dos preços da energia elétrica e do gás de cozinha.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.