Mãe do apresentador Fausto Silva morre aos 95 anos

dona cornelia mae fausto silva reproducao domingao do faustao

Mãe de Fausto Silva, Cordélia Moraes Corrêa Silva morreu aos 95 anos na madrugada desta quinta-feira (24). A perda na família aconteceu uma semana após a demissão do apresentador da Globo. A causa da morte ainda não foi revelada.

A notícia da morte foi confirmada pela secretária do comunicador ao Notícias da TV. Em novembro de 2020, Fausto quebrou o protocolo no Domingão do Faustão e prestou uma homenagem à matriarca. Ele festejou o aniversário dela de 95 anos, falou sobre a vida de Cornélia e celebrou o fato de ela ter superado a Covid-19.

“Eu raramente falo da minha vida pessoal nesse programa, não comemoro aniversário, um jeito meu. Mas hoje é um dia especial, então vou pedir licença aos meus colegas e amigos aqui, e vou explicar para vocês o porquê. Imagina uma menina nascida em uma família abastada, nos anos 20 e 30, e que repente aos 12 anos de idade, com o pai engenheiro e fazendeiro em ótima situação econômica, ele morre aos 40 anos”, iniciou.

“Essa menina, com mais três irmãs, fica órfã de pai. Ainda assim, ela, a mãe e as três irmãs foram à luta com todas as dificuldades. Conseguiu ao longo da vida falar quatro, cinco idiomas e levou a questão da educação, de ser professora, como uma missão de vida. Mais do que isso, casou com um economista, teve seis filhos e durante a vida, mostrou o que é ser mãe em todos os sentidos”, completou.

Na sequência, ele admitiu que estava falando da mãe. “Estou falando da minha mãe, a professora Cordélia Moraes Corrêa Silva, que voltou a pintar há oito anos e mostrou que a vida é isso. Você toma as rasteiras, as cacetadas e encara os altos e baixos sempre com muita fé, com serenidade, lucidez”, ressaltou.

Emocionado, ele conseguiu se conter e encerrar o seu discurso para dizer que a dona Cordélia estava fazendo aniversário após vencer a Covid-19. “Essa mulher, aos 95 anos, ainda foi testada positivo para o coronavírus e superou a Covid-19. Veja se não é poderosa a dona Cordélia, aqui a homenagem que deveria ser feita”, agradeceu Fausto, aplaudido pelas bailarinas e pela plateia virtual.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.