Mãe de Marília Mendonça posta: "Deus me deu, Deus me tirou"

6hxznkkllxtmkx2ob42u1z9m1

Ruth Moreira, mãe de Marília Mendonça, se pronunciou pela primeira vez sobre a morte de sua filha , que foi vítima de um acidente aéreo na sexta-feira (05). Por meio de postagem no Instagram, no domingo (07), a matriarca declarou. “Deus me deu, Deus tirou, bendito seja o nome do Senhor. Tudo é dele, por ele e para ele”, escreveu ela, que postou uma foto com a cantora, citando uma música gospel.

No mesmo dia, Murilo Huff, pai do único filho de Marília, Léo, concedeu uma entrevista ao “Fantástico” . Durante o papo, ele revelou que a cantora pediu na sexta-feira, dia de sua morte, para que ele cuidasse do avô dela, que havia tomado vacina. “Pedir isso nesse dia? Parecia que estava se despedindo. Eu sempre respeitei ela muito como mãe e ela sempre me respeitou muito como pai. Era uma mãe incrível, muito apaixonada”, pontuou o rapaz, que estava visivelmente emocionado.

Continua após a publicidade

Além Marília Mendonça, outros quatro tripulantes do avião morreram. Todos foram enterrados no último sábado (06). A cantora foi velada em Goiânia ao lado de seu tio, Abicieli Silveira Dias, em cerimônia aberta ao público. Os fãs também lotaram a porta do cemitério Parque Goiânia, mas a entrada só foi permitida para amigos e familiares. 

As investigações para saber o motivo da queda do avião de  Marília seguem a todo vapor. No domingo (07), o CENIPA – Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos – afirmou que a aeronave começou a ser retirada do local do acidente por uma empresa especializada. Não há previsão de tempo para que a operação seja concluída, pois a equipe envolvida está encontrando dificuldades. 

Leia também

Assim que a extração for concluída, o avião bimotor será levado para o aeroporto onde deveria ter pousado, em Caratinga, Minas Gerais. A empresa dona da aeronave, PEC Táxi Aéreo, foi autorizada a recolher os destroços após o trabalho de perícia da Polícia Civil. A CENIPA, por sua vez, informou que por conta da correnteza e das más condições climáticas, a perícia continuará a ser realizada no hangar onde o avião ficará.

InstagramMarília Mendonça e Ruth Moreira

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.