Lutadora é encontrada morta um dia após assustar seguidores e ameaçar suicídio

4hm6n983rpcu0g020tvwm6kb8

A lutadora Shannon Spruill, mais conhecida como Daffney Unger, foi encontrada morta em sua casa em Atlanta poucas horas após causar um grande alarme com declarações estranhas nas redes sociais.

Ela, que se tornou famosa no final dos anos 90 e no início dos anos 2000 por sua aparência e maquiagem no World Championship Wrestling (WCW), iniciou um vídeo ao vivo no Instagram no qual se desculpou repetidamente. Também mencionou que estava sozinha e estava segurando uma arma.

Continua após a publicidade

Diante do fato, o lutador Mick Foley pediu imediatamente ajuda no Twitter, após ela “ameaçar se machucar”, embora suas tentativas de contato com a lutadora tenham fracassado e o triste desfecho tenha ocorrido.

Após a confirmação da morte, Foley escreveu uma extensa carta em seu perfil no Facebook na qual ele fala sobre os problemas de saúde mental que Daffney teve até o dia de sua morte: “Acho que todos nós compramos tanto sua personalidade que não percebemos que ela era apenas humana”, disse ele.

Algo errado com esse post?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.