Jovem morre após ser baleado por policial militar

Sem titulo 810

Um jovem, de 26 anos, morreu em São Paulo após ser atingido por um tiro disparado por um policial militar. Em protesto, moradores colocaram fogo em um veículo do transporte coletivo.

Uma câmera de segurança registrou o momento em que o carro dos agentes passa pelo bairro Americanópolis, na zona sul da capital paulista e, depois, a vítima, o entregador Caio da Silva Costa, sendo atingida pelo disparo e caindo no chão.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP), os policiais deram ordem de parada ao jovem, pedindo que ele estacionasse a moto em que estava, mas Caio teria desobedecido os agentes. O rapaz ainda teria seguido a viatura depois da abordagem.

O caso foi registrado como homicídio culposo, quando não há intenção de matar, e está sendo investigado pela Corregedoria da Polícia Civil. “Primeiro, o policial informou que ele estava sendo assaltado. Em seguida, tirou essa informação e colocou que tinha dado um tiro acidental. Não foi porque quis, mas ninguém dá um tiro acidental daquela forma. Ele [Caio] era espontâneo, super alegre e gostava de estar com a família. Gostava de ajudar todo mundo”, relatou o primo da vítima.

VEJA:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.