Jornalista do SporTV vê Senna maior que Pelé: "É o ídolo esportivo do país"

senna a cores

30/04/2019 11h40

Ayrton Senna superou Pelé? Para Aydano André Motta, em termos de idolatria, o tricampeão mundial de Fórmula-1 superou o Rei do Futebol. Durante o Redação SporTV desta terça, o comentarista falou sobre o piloto que o fez acompanhar F-1.

“Ele foi o maior ídolo esportivo do Brasil. Foi o maior ídolo esportivo do país do futebol. Toda vez que falam do Pelé, vem na minha cabeça 1280 gols e nada se torna comparável a ele por causa disso, mas é inegável que, em termos de idolatria, o Senna superou o Pelé. O Pelé é uma figura muito pouco humana, não é uma crítica, mas ele mantém uma aura que o torna distante das pessoas, mítico. O Senna, não. Ele parecia um parente nosso”, defendeu Aydano. 

“Acho que sim”, concordou Gabriela Moreira. A jornalista ainda recordou a comoção no velório do piloto, falecido em 1º de maio de 1994. “Foi a primeira vez que eu vi uma comoção verdadeiramente nacional”.

“Parecia que todo mundo era parente dele. É muito impressionante. A gente não consegue traduzir o que foi. Ele era como um herói. Parecia uma espécie de mutante”, completou Motta.

 Aydano ainda revelou que, mesmo sem ser fã da F-1, acompanhava a modalidade por conta de Senna. Além disso, ele afirmou que, durante anos, foi difícil falar sobre o piloto. 

“Acho que nos 18 ou 19 desses 25 anos, eu não conseguia me referir ao Senna sem engasgar ou dar vontade de chorar. Eu não sou um fã de Fórmula-1, nem gosto de carro, mas o Senna era uma figura fascinante, adorável, que me tornou um fã de F-1 para acompanhar a carreira dele”. 

Amanhã, no dia 1º de maio, completam 25 anos da morte de Ayrton Senna. O brasileiro faleceu após acidente no Grande Prêmio de San Marino, na Itália.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.