Idosa se recusa a usar máscara, quebra bilheteria de metrô e é presa

Sem titulo 110

A Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) prendeu, na manhã desta sexta-feira (10/9), uma idosa que quebrou o vidro de uma bilheteria da Companhia do Metropolitano do DF (Metrô-DF). Ela foi detida por dano qualificado, ato obsceno e infração às medidas sanitárias.

Segundo a PMDF, a idosa passou a catraca sem pagar. Ela não usava a máscara e foi advertida pelos funcionários do metrô. Em seguida, se revoltou e xingou os agentes.

De acordo com o Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Transportes Metroviários do Distrito Federal (SindMetrô-DF), o caso aconteceu na Estação Praça do Relógio, em Taguatinga.

Veja a publicação do SindMetrô-DF no Instagram:

Sem titulo 109

A mulher foi encaminhada para a 12ª Delegacia de Polícia (Taguatinga Centro).

Ao Metrópoles, o SindMetrô informou que pediu ao Metrô-DF para a “empresa providenciar a imediata atuação do corpo de segurança no local e o reparo o quanto antes, já que gera mais riscos na situação em que se encontra”.

A reportagem procurou a Companhia do Metropolitano do DF e aguardava retorno até a publicação desta reportagem. Caso o Metrô-DF se pronuncie, o conteúdo será atualizado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.