Galo e cabrito se unem para salvar galinha de ataque de falcão

Sem titulo 445

Parece, mas não é mais uma fábula “infantil”: um cabrito e um galo se uniram para salvar a amiga galinha que estava sendo atacada por um falcão. As cenas impressionantes foram registradas pela câmera de segurança e se tornaram viral na internet.

O fazendeiro Jaap Beets, de 59 anos, que vivem em Gelderland, na Holanda, estava em sua casa no dia 5 de setembro quando ouviu uma barulheira gerada pelos animais de criação.

“Fiquei muito orgulhoso do galo e do cabrito que pularam para defender nossa galinha. Também fiquei muito aliviado porque a galinha sobreviveu”, conta o dono da fazenda, citado pelo site australiano News.

A gravação que vem fazendo sucesso entre os internautas mostra o momento em que um falcão mergulha e agarra a galinha, chegando a voar penas durante o ataque. Quase imediatamente, um dos galos da fazenda corre para resgatar a amiga, defendendo a companheira com esporadas.

Ao perceber a cena de violência, o cabrito chamado Bruin, segundo o site, também se juntou ao resgate da galinha, atacando o falcão com cabeçadas, tentando assustá-lo.

VEJA:

As cabras possuem fama de serem animais calmos e fofos, por saltitarem por aí, mas levam a “sério” a vigilância do terreno onde vivem.

Para a sorte da galinha, o galo e o cabrito conseguiram salvá-la, forçando o falcão a voar para longe apenas 17 segundos depois do ataque infrutífero.

Citado pelo site australiano, Jaap Beets conta que a galinha sofreu apenas ferimentos leves e que os outros animais da fazenda “se uniram em torno dela” para ajudar na cura.

Curiosamente, segundo o fazendeiro holandês, essa não foi a primeira vez que sua fazenda passou por uma situação “dramática”. Por duas vezes, cabras e perus já precisaram ajudar a resgatar as galinhas.

“Nos sete anos que vivo aqui, é o terceiro ataque às nossas galinhas. Esse foi o segundo falcão e outra vez teve um urubu também”, diz Beets, citado pelo News.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.