Estudante de medicina acusado de estuprar sete crianças quer indenização de R$ 20 mil

semtitulo00001632414462

O estudante de medicina Marcos Vitor Aguiar Dantas Pereira, 22 anos, acusado de estuprar duas irmãs e duas primas pequenas, acionou a Justiça contra a mãe de uma das vítimas. A defesa do suspeito ingressou com ação de indenização contra a mãe das crianças que realizou a denúncia nas redes sociais.

De acordo com o processo, foi feito pedido de tutela de urgência requisitando que a mãe das vítimas removesse das redes sociais todas as publicações que citam o nome de Marcos Vitor. No pedido, o acusado requisitou que a Justiça ordenasse a denunciante apagar todas as postagens e que ela fosse proibida de mencionar o nome dele. 

A defesa de Marcos Vitor afirmou que ele é um homem de boa fé, de caráter idôneo e pediu uma indenização no valor de R$ 20 mil por conta dos supostos danos morais feitos pela mãe de duas vítimas.  

No entanto, o juiz Kelson Carvalho Lopes da Silva, do Juizado Especial Cível e Criminal de Teresina, negou o pedido da defesa em decisão proferida na sexta-feira (24). 

Entenda o caso

O estudante de medicina Marcos Vitor está sendo investigado pela Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA), sob acusação de ter abusado sᕮxualmente crianças da própria família, incluindo as irmãs. As mães das vítimas registraram Boletim de Ocorrência contra ele e a polícia abriu o inquérito para apurar as denúncias.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.