Em luta de boxe, Trump elogia Bolsonaro: “Ele trabalha tão duro”

Sem titulo 136

O ex-presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, elogiou o presidente Jair Bolsonaro na madrugada deste domingo (12/9), durante participação em uma luta de boxe vencida pelo brasileiro Vitor Belfort contra o norte-americano Evander Holyfield, na Flórida.

Após uma visita aos departamentos de polícia e de bombeiros de Nova York no vigésimo aniversário do atentado terrorista de 11 de setembro, o ex-presidente foi um dos comentaristas do combate.

“Eu amo o presidente do Brasil, preciso dizer. Sabe, ele e seu filho [Eduardo] são ótimas pessoas, e ele trabalha tão duro, posso te dizer: ele trabalha tão duro, ajudando as pessoas, e espero que ele esteja bem”, afirmou Trump.

AdChoices

Eduardo agradeceu pelas palavras de Trump e escreveu: “Nós também consideramos o senhor e sua família grandes patriotas. Até breve”.

Em agosto de 2021, quando Trump já havia deixado a Presidência dos EUA, Eduardo levou a esposa Heloisa Wolf e a filha do casal, Geórgia, para encontrar o ex-presidente.

Ex-assessor

O empresário e ex-braço direito do ex-presidente Jason Miller participou recentemente de um evento conservador em Brasília e também se reuniu com Bolsonaro.

Na última terça-feira (7/9), a Polícia Federal deteve e interrogou Miller nas dependências da corporação no Aeroporto de Brasília, no âmbito de inquéritos que tramitam no Supremo Tribunal Federal (STF) para apurar financiamento a atos antidemocráticos. A ordem partiu do ministro Alexandre de Moraes, relator da investigação no STF.

Por orientação de seus advogados, o ex-assessor de Trump ficou em silêncio durante a oitiva. Mesmo assim, a PF liberou Miller para voltar para os Estados Unidos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.