Diego Costa quer jogar no Palmeiras, confirma empresário do Atacante

inbound1593258529632183488

Diego Costa possui mercado em diversas equipes da Europa, China e Brasil, mas estaria com planos de atuar no Palmeiras nessa temporada. Sendo apontado como alvo de vários clubes do exterior, porém, o empresário do atacante garantiu que ele quer defender o Verdão, abrindo caminho para que as negociações sejam retomadas entre as partes.

PUBLICIDADE

Ainda nesse ano o Palmeiras tentou a contratação de Diego Costa, mas um entrave ficou por conta por conta dos altos salários do jogador. O atacante sinalizou na época que queria receber salários 2 milhões de reais por mês, valor que a diretoria alviverde considerou muito alto, mas agora o artilheiro pode reduzir sua pedida para acertar com o clube.

O único jogador no elenco do Palmeiras que recebe um salário igual ou superior a esse, é Dudu, que após passagem pelo futebol árabe e não compra por parte do time ao qual foi emprestado, resultou em seu retorno ao Palestra Itália. Ainda há chances do atacante ser negociado, e assim abriria espaço para a chegada de Diego Costa, se tratando de custos.

Diego Costa teve uma carreira marcante na Europa, principalmente nas suas passagens por Chelsea, da Inglaterra, e Atlético de Madrid, da Espanha, último clube que o centroavante defendeu inclusive antes de estar livre no mercado, após uma rescisão amigável. O jogador também acumula passagem pela Seleção da Espanha, onde foi naturalizado e inclusive disputou Copa do Mundo, após não ter chances ainda jovem na amarelinha.

O Palmeiras tem planos de trazer um novo camisa 9 de peso

Atualmente o Palmeiras conta com Luiz Adriano e Deyverson para o comando de ataque, nenhum dos dois conseguiu se firmar de forma absoluta ou tem encantado a torcida. Ou seja, com o desejo de Diego Costa e a necessidade do Palmeiras em ter um nome para o ataque, um acordo pode acontecer nas próximas semanas, visto que Abel Ferreira tem cobrado por reforços pontuais, vamos aguardar os próximos capítulos dessa história.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.