Crianças são mantidas em cárcere privado pelos pais

Sem titulo 400

Quatro crianças, entre 4 e 12 anos, vítimas de cárcere privado e maus-tratos pelos próprios pais, foram resgatados no último dia 29 de agosto, em Barra de São Francisco (ES). A Polícia Militar foi até a casa da família após uma denúncia do Conselho Tutelar. 

O local onde os filhos do casal eram mantidos estava em condições precárias: lixo espalhado pela casa; sujeira; geladeira repleta de restos de comida; e fezes de animais espalhados pela residência. O caso só foi descoberto após um dos filhos ter sido convocado pela escola para realizar uma prova presencialmente. 

A família resistiu ao chamado, contudo, levou a criança para a avaliação. Segundo a professora, a criança não conseguia se manter em pé por fraqueza e apresentava sinais de medo. Durante o resgate, as crianças contaram aos militares que não se alimentavam há dias e um dos oficiais presenciou uma das vítimas comendo fezes do cachorro da família. 

De acordo com o Conselho Tutelar, todas estavam muito magras, sem tomar banho há dias e com piolhos. De acordo com a médica que atendeu as crianças, elas apresentavam sinais de cativeiro, como dentes podres e unhas compridas. 

Os pais das crianças foram autuados em flagrante por cárcere privado e maus-tratos. O casal passou por uma audiência de custódia e recebeu alvará de soltura.  

VEJA A REPORTAGEM ABAIXO:

Algo errado com esse post?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.