Criança morre em desabamento de casa abandonada

Sem titulo 406

Uma criança, de 11 anos, morreu na 5ª feira (23.set) no desabamento de uma residência abandonada há 15 anos, no complexo de favelas do Lins, na zona norte do Rio de Janeiro. Michael queria fazer uma casinha para o cachorro que havia ganho de uma vizinha, mas, segundo a Defesa Civil, a laje do imóvel não suportou o peso do menino quando ele foi buscar tijolos.

A morte ocorreu no local. O primo de Michael, Caio, que tem a mesma idade, conseguiu se salvar. Ele foi internado em um hospital, com uma fratura na perna. “Vivia os dois soltando pipa, ia para a escola junto, era um menino alegre, era um menino muito divertido”, disse Meirielle de Oliveira, mãe de Caio.

Juntamente com Leonardo de Barros, ela tem duas filhas também. Uma delas foi a primeira a tentar resgatar Michael. “Minha filha falou que ele ainda pediu ajuda, pra ajudar. Quando ela foi tentar tirar, não conseguiu. Ele ficou embaixo da laje”, relembra Meirielle.

Emocionado, também pensando sobre a morte do garoto, Leonardo pontua: “Eu tentei, mas não consegui tirar ele de lá. Ainda peguei na cabeça dele”. As crianças costumavam brincar na área onde ocorreu o desabamento. O local foi isolado para a perícia. Antes da tragégia, não havia nenhuma sinalização sobre os riscos.

A Polícia Civil abriu um inquérito para investigar o caso. O corpo de Michael será enterrado neste sábado (25.set). O pai da criança, José Edson Deodato, faz aniversário nesta 6ª feira (24.set) e fala que, avisado sobre o acidente, tentou de tudo para salvar Michael – o mais velho dos três filhos que tem, e o único menino.

VEJA A REPORTAGEM ABAIXO:

Algo errado com esse post?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.