Criança descobre “chupa-cabra” em caixa eletrônico de banco

Sem titulo 70

Uma criança descobriu um equipamento ilegal, conhecido como “chupa-cabra”, em um caixa eletrônico de Santa Cruz do Capibaribe, no agreste de Pernambuco. Diante do crime, a Polícia Federal deu início a investigações para descobrir os bandidos responsáveis por instalar os equipamentos que clonam cartões e roubam dados de clientes.

Foram descobertos seis dispositivos em duas agências bancárias, com três em cada. O menino, curioso, começou a mexer nos caixas eletrônicos até que puxou um dos dispositivos. A mãe desconfiou e acionou a guarda municipal que, depois, contatou a Polícia Federal.

Em cada “chupa-cabra” havia duas microcâmeras: uma apontada para coletar dados do cartão e, outra, para filmar a senha do cliente. Os equipamentos ilegais estavam no local da leitura do código de barras. As agências foram interditadas e o crime, configurado como furto qualificado, pode gerar penas de dois a oito anos de reclusão.

ASSISTA A REPORTAGEM ABAIXO:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.