Costela assada no saco de pão: vantagens e como fazer

Costela assada no saco de pao 758x396 1

A costela assada é uma receita para o domingo de folga, já que levam algumas horas de fogo para a carne ficar pronta. No momento de botar a costela na grelha, um bom churrasqueiro vai lembrar de envolver toda a peça em papel-alumínio, que é uma das soluções mais populares para que não fique tostada por fora e crua por dentro. Mas, também existe a técnica da costela assada no saco de pão. Já tinha ouvido falar? Veja como funciona!

Veja também: Como temperar carne para churrasco

Costela assada no saco de pão dá certo?

Segundo o churrasqueiro José Almiro, do canal Churrasqueadas, a dica da costela assada no saco de pão dá certo sim, e ele ensina os truques.

Primeiro, é importante ter em mente que, para a costela ficar no ponto perfeito, bem assada e suculenta, vai precisar de muita paciência e fogo baixo. Essa dica serve para que o alto teor de colágeno da carne solte as fibras e amacie os cortes.

Para isso, é necessário que a carne fique no alto da churrasqueira, a cerca de 60 centímetros da brasa, já envolvida no saco de papel – que vai acabar um pouco chamuscado, mas é normal.

Outra dica é que o saco de pão não seja tão fino, ou é melhor você usar duas camadas. A ideia é que o saco sirva como um forno, segurando o calor dentro da carne para ela assar por dentro, sem queimar primeiro por fora.

No papel-alumínio não fica boa?

Fica sim, e se você já costuma usar essa tática, pode continuar usando. Assim como o saco de papel, o alumínio ajuda a acelerar o processo de cocção e o derretimento do colágeno para amaciar a carne.

Porém, o papel-alumínio provoca uma leve oxidação nos ossos da carne e bloqueia a passagem da fumaça. Então, a carne termina mais cozida no vapor do que assada na brasa. É por isso que, ao final do preparo, o papel-alumínio é removido, permitindo que a parte externa da costela fique tostando na brasa.

Já com o saco de papel é diferente, pois a temperatura que passa por ele é mais alta do que o alumínio permite. Então, vale a pena fazer uma costela assada no saco de pão para ver se gosta do resultado.

Como fazer costela assada no saco de pão?

As dicas de preparo do churrasqueiro são bem práticas, e talvez um pouco diferentes do que você está habituado. Veja só:

  1. Dê um banho de cachaça na costela, passe sal grosso dos dois lados e reserve.
  2. Coloque o papel (ou o saco de pão) sobre a bancada e, por cima, acomode porções bem generosas de manteiga. Isso vai evitar que o papel grude na peça.
  3. Embrulhe a carne com duas ou três camadas de papel e leve à churrasqueira em braseiro fraco, com o osso para baixo, numa altura de cerca de 60 centímetros.
  4. Espere 4 horas e depois vire a peça para que ela asse por mais 60 minutos. Se quiser, aproxime a costela da brasa para ela ficar douradinha.

Veja todos os detalhes dessa dica nesse vídeo do canal Churrasqueadas:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.