Como existência de OVNIs passou a ser levada mais a sério pelos EUA

2020 ovnis nunca antes vistos 28122020054133054

Nos últimos meses, um assunto até pouco tempo atrás descartado como teoria da conspiração ou piada vem sendo debatido com seriedade em Washington: os objetos voadores não identificados (OVNIs).

Em meio a recentes declarações de militares, agentes de inteligência e políticos democratas e republicanos sobre o que chamam de fenômenos aéreos não identificados (UAP, na sigla em inglês), vem crescendo a expectativa pela divulgação nas próximas semanas de um relatório detalhando o que o governo americano sabe a respeito desses fenômenos.

Na quinta-feira (3/6), o jornal The New York Times e outros veículos da imprensa americana anteciparam que, segundo fontes anônimas dos serviços de inteligência, uma versão confidencial do relatório indica que não foram encontradas evidências de “atividade alienígena”, mas também não exclui essa possibilidade de maneira definitiva.

O documento foi elaborado após a análise de mais de 120 episódios nas últimas duas décadas em que pilotos militares – a maioria deles americanos, mas também alguns de outros países – observaram objetos não identificados durante seus voos.

Segundo as fontes entrevistadas pelo New York Times, a maioria desses casos “não tem origem em nenhuma tecnologia avançada do governo americano”. Isso indicaria que esses objetos não são parte de algum programa secreto do governo.

O presidente Joe Biden brincou ao comentar a afirmação de Obama e evitou dar declarações mais específicas, mas sua porta-voz, Jen Psaki, disse que o governo “leva muito a sério e investiga cada um dos relatos de incursões de qualquer aeronave, identificada ou não, no nosso espaço aéreo”.

Nas últimas semanas, o debate sobre OVNIs, por décadas considerado tabu, vem ganhando força e cobertura ampla na imprensa americana, incluindo uma longa matéria na revista New Yorker, uma das mais prestigiosas do país, e um especial no programa “60 Minutes”, da rede CBS.

Ovinis no Brasil

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.