Comerciante é absolvido após estuprar garota de 13 anos que conheceu na igreja

estupro garota widelg

Ele havia sido condenado a oito anos de prisão

Um comerciante de 26 anos foi absolvido do crime de estupro após ser condenado a 8 anos de prisão, em 2019. Ele estuprou uma adolescente de 13 anos, que havia conhecido em uma igreja em Campo Grande no Mato Grosso do Sul.

A condenação do comerciante foi proferida em abril de 2019, sendo ele sentenciado a 8 anos de reclusão, regime inicial semiaberto, podendo recorrer em liberdade. Mas, em publicação do Diário da Justiça desta quarta-feira (26), após apelação ele foi absolvido.

Consta na denúncia que em 2014, a vítima conheceu o homem na igreja onde frequentava. Sendo que no dia do crime, ela estava na casa de sua avó quando ele ligou chamando-a para um show no Parque das Nações Indígenas.

A garota aceitou o convite já que o autor avisou que não iria demorar o show. Na hora de ir embora, ela tentou ligar para a sua mãe, mas não conseguiu por que o celular estava sem bateria; sendo que em seguida, o comerciante ofereceu sua casa, para que a vítima carregasse o celular.

Na casa do comerciante, ele disse para a garota que não passaria mais ônibus, para que ela passasse a noite na casa dele e que no outro dia ela fosse embora. Com isso, o homem aproveitou e estuprou a vítima, que era virgem. No outro dia, o comerciante levou-a ao terminal, e a vítima voltou de ônibus para sua casa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.