Carta encontrada no bolso de Lázaro indica detalhes da Chacina do DF

Como Fazer Croche 17 15

No dia da morte de Lázaro Barbosa , foi encontrada no bolso do assassino uma carta que pode indicar alguns detalhes de como pode ter ocorrido a chacina que matou os quatro integrantes da família Vidal no Distrito Federal, no último mês. Após 20 dias foragido, Lázaro foi morto no último dia 28, em uma operação da Polícia Militar. 

Na carta, o maníaco relata o que teria motivado os assassinatos. “O cara tava armado e, antes de eu conseguir enquadrar a vítima, ainda conseguiu avisar uma pessoa, que quando eu vi já foi só os tiros (sic)”, escreveu.

Lázaro também relatou estar ficando sem munição. “Já tive dois confrontos. Tô zerado de munição… Pra pegar pra mim, eu vou te adiantar 500 reais (sic).”

A Polícia Civil acredita que Lázaro escreveu a carta para um colega, a quem solicitaria a munição, como informado ao Fantástico, da TV Globo. Segundo a investigações, é provável que  Lázaro tenha recebido ajuda de um fazendeiro a quem a família Vidal devia dinheiro. 

“Considerando que havia um laço anterior, que Lázaro já era conhecido pelo proprietário [Elmi Caetano Evangelista] e na entrevista [depoimento à polícia] o proprietário fala que aquela família devia um dinheiro a ele, nós não descartamos a hipótese de que ele tenha, realmente, usado Lázaro para cobrar a dívida e, não recebendo, matar aquelas pessoas”, contou a delegada Rafaela Azzi.

VEJA A REPORTAGEM:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.