Caminhoneiros fecham rodovia tietê em protesto contra as medidas de Dória

caminhoneiros

Nesta sexta-feira dia 05 de fevereiro, o Governador de São Paulo recebeu uma dura resposta dos caminhoneiros em relação a suas medidas de enfrentamento a pandemia. A saber, o governador paulista sempre que precisa mostrar reação ao aumento de mortes e contaminações de covid-19 em São Paulo, manda fechar o comércio.

As medidas já são até certo ponto questão de tempo, basta as coisas apertarem que o governador que se diz gestor, manda fechar tudo, como se essa fosse a melhor solução. Mas dessa vez um grupo enorme de caminhoneiros resolveu se reunir e fazer protesto contra as medidas do governador. Por conseguinte, fecharam a rodovia do Tietê e o líder do movimento já avisou que não tem hora para acabar os protestos.

Em mega manifestação caminhoneiros não aceitam outro lockdown em São Paulo

A revolta dos caminhoneiros em São Paulo tem motivos de sobra. Afinal nos últimos meses o Governador João Dória tem tomado medidas totalmente duras contra a população. Além de quebrar milhares de empresas com o lockdown que insiste em fazer, ainda aumentou de forma absurda os impostos em São Paulo.

Os manifestantes afirmam que é hora de fazer alguma coisa, pois em breve a maior cidade do Brasil estará em forma de terra arrasada. Por fim, a marginal tietê, umas das principais de São Paulo segue interditada e sem hora para liberação, tudo por conta das medidas terríveis do governador paulista, que não aceita ser contrariado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.