Cada um precisa entender o que fazer, Dudu reage após declaração de Abel no Palmeiras

inbound3263041812148974562

Dudu usou sua página no Instagram para reagir depois de uma declaração de Abel Ferreira na entrevista coletiva após o empate por 0 a 0 entre Palmeiras e Atlético-MG, na partida de ida da semifinal da Copa Libertadores.

O técnico disse que a irritação do atacante ao ser substituído talvez fosse motivada por sua performance. E afirmou que “ninguém está acima dos interesses da equipe”.

O camisa 43, sem citar o nome do treinador, escreveu que cada um deve pensar em como fazer o time melhorar.

“Infelizmente, não conquistamos a vitória, mas foi um resultado importante e sei que podemos jogar melhor na semana que vem. O Palmeiras é muito maior do que todos, sim, claro! E quem está no clube há anos e anos, como eu, sabe muito bem disso. Desde o meu primeiro dia aqui, nossas equipes sempre jogaram de forma coletiva e isso jamais será diferente. Pra evoluir, cada um precisa colocar a mão na consciência e entender o que pode fazer para melhorar em prol do time”, postou Dudu.

Dudu foi substituído aos 20 minutos do segundo tempo por Wesley e saiu bastante incomodado. Logo depois, já sentado no banco de reservas, tirou as caneleiras e as atirou no chão com força.

Abel Ferreira foi perguntado sobre a postura depois do jogo e disse que precisaria olhar as imagens antes de dar um veredicto. O técnico deixou aberta a possibilidade, inclusive, de conversar com o atacante.

“Tenho que ver as imagens, mas ele deve ter ficado chateado com a performance do jogo dele. Ele sabe que pode fazer mais, que pode criar mais, talvez tenha ficado chateado com o rendimento dele não ter sido o melhor. Mas eu já disse, fruto de uma marcação muito acirrada em cima do Dudu. O Mariano andava ao lado dele por todo o lado. Tenho que ver as imagens, o que ele fez, qual a intenção que fez e conversar. Aqui ninguém está acima dos interesses da equipe, resolvemos conversando frente a frente. Acho que, como disse, saiu frustrado. Nas vezes em que tentou desequilibrar, as coisas não se saíram bem, não performou de acordo com sua qualidade”, disse.

Jogador do Palmeiras desde 2015, Dudu tem 13 jogos neste retorno ao clube e um gol marcado, nas quartas de final da Libertadores, contra o São Paulo.

Depois de sua volta – muito comemorada por torcida e diretoria –, o atacante passou o primeiro mês sendo usado mais frequentemente como reserva. O ídolo só foi fixado na equipe titular nas quartas da Libertadores e desde então não saiu mais dos 11 ideais.

Palmeiras e Atlético-MG voltam a se enfrentar na próxima terça-feira, às 21h30, no Mineirão. O resultado no Allianz Parque dá ao Verdão a vantagem de avançar à decisão em caso de um novo empate, mas com gols marcados. Antes, pelo Brasileirão, o time alviverde enfrenta o Corinthians, no sábado, na Neo Química Arena.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.