Bolsonaro revela que Michelle tomou vacina antes de viagem aos EUA

Sem titulo 386

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) revelou, na live semanal que faz toda quinta-feira, que a primeira-dama Michelle Bolsonaro tomou a vacina contra a Cøvid-19 para acompanhá-lo na viagem aos EUA, onde participaram da abertura da 76ª Assembleia Geral das Nações Unidas, em Nova York.

“Olha o que aconteceu com a minha esposa: veio conversar comigo. ‘Tomo ou não tomo a vacina?’. Sabe como é que é esposa, né? Quem tem esposa sabe como é que é. Veio conversar comigo, dei minha opinião para ela. Não vou falar qual foi a opinião. Vou falar o que ela fez: ela tomou a vacina. Ela é maior de idade, tem 39 anos, sabe o que faz.”

O presidente, no entanto, disse que, se for para vacinar a a filha caçula, Laura, de 10 anos, aí terá uma conversa com Michelle. “Vamos decidir.”

Bolsonaro cumpre isolamento no Palácio da Alvorada, depois de ter tido contato com o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, que foi diagnosticado na terça-feira (21/9) com Cøvid-19, após participação na 76ª Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU), em Nova York.

Após Queiroga testar positivo para a doença, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) enviou ofício à Casa Civil da Presidência da República recomendando isolamento aos integrantes da comitiva presidencial que estiveram em Nova York nos últimos dias.

A recomendação da agência é de isolamento de 14 dias para todos que tiveram contato com o ministro.

Assintomáticos

O secretário de Comunicação da Presidência, André Costa, informou que o presidente e a comitiva que o acompanhou na viagem estão assintomáticos e serão submetidos, no fim de semana, a testes RT-PCR para detectar se foram infectados pela Cøvid-19.

Depois da recomendação de isolamento, o presidente adotou uma agenda virtual. Nesta quinta pela manhã, ele participou, por videoconferência, da cerimônia de recondução do procurador-geral da República, Augusto Aras, por mais dois anos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.