Bolsonaro diz que Lula “continua criminoso” apesar de anulação do processo

BolsonaroEApoiadores12mai2021 868x625 2

“Ele não está inocentado”, diz

Critica Calheiros e CPI da Covid.

O presidente Jair Bolsonaro disse nesta 4ª feira (12.mai.2021) que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva “continua criminoso” apesar de o STF (Supremo Tribunal Federal) ter anulado as decisões da Justiça Federal de Curitiba contra o petista em 4 processos da Lava Jato.

Ele não está inocentado, foi anulado o processo. Ele continua criminoso. A imprensa está com eles”, disse a um apoiador que pediu, sem dar mais detalhes, a “repatriação” dos recursos de Lula.

Bolsonaro também falou sobre a CPI da Covid, que escuta o ex-secretário de Comunicação do governo Bolsonaro, o publicitário Fabio Wajngarten, no Senado, nesta 4ª feira.

Vocês viram o Renan Calheiros nesta semana? [Disse que] a CPI não existe para investigar desvios de recursos. Vou dar uma sugestão para o Renan: depois faça a CPI do leite condensado”, declarou.

O presidente se referia a reportagens publicadas em janeiro que divulgaram que o governo federal gastou mais de R$ 15 milhões com o produto alimentício em 2020.

E tem mais uma também: os R$ 3 bilhões do orçamento secreto. O parlamento votou o Orçamento por meses e eu sancionei lá, tem R$3 bilhões secretamente”, completou.

Sobre o Orçamento secreto, também chamado de orçamento paralelo, Bolsonaro comenta sobre uma reportagem do jornal O Estado de S. Paulo publicada nesse domingo (9.mai), a qual indica que o governo federal teria montado um “orçamento paralelo” para distribuir emendas do tipo RP9 (emendas de relator) a congressistas para aumentar sua base de apoio. Ainda segundo o jornal, parte dessas verbas teria sido usada para comprar tratores com valores superfaturados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.