Boletim médico de Bolsonaro descarta cirurgia

Bolsonaro 34 990x557 1

O presidente da República, Jair Bolsonaro, vai continuar internado recebendo um tratamento clínico mais conservador. O boletim médico dessa quinta-feira (15), no entanto, descartou neste momento a necessidade de cirurgia para Bolsonaro.

Bolsonaro enfrenta um quadro de obstrução intestinal e foi transferido de Brasília para São Paulo para realizar exames de emergência.

O analista político Italo Lorenzon, durante o Boletim da Manhã de quinta-feira (15), destacou a importante e excelente notícia para o presidente Bolsonaro. Lorenzon lamentou ainda o fato de existirem pessoas que desejam a morte do presidente.

“Uma coisa é você não gostar de algum aspecto da personalidade do presidente da República, é você não gostar de um ou vários aspectos do governo dele; outra coisa é você juntar a sua voz a gente que deseja a morte do presidente”, ressaltou o analista político.

“É preciso entender quem está querendo tirar Jair Bolsonaro, que independentemente dos defeitos, é o presidente que mais defendeu as liberdades individuais no mundo durante a pandemia! Quem está querendo tirá-lo de lá é justamente quem tem uma alma podre e quer ter o domínio sobre a sua vida”, acrescentou Lorenzon.

Algo errado com esse post?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.