Aras diz a Toffoli que ação dos governos da Bahia e do Maranhão contra Bolsonaro não devem prosperar no STF

Jose Cruz Agencia Brasil 3 scaled 1

A ação dos governos da Bahia e do Maranhão contra o presidente Jair Bolsonaro não devem prosperar, segundo a Folha de S. Paulo.

Na ocasião, os dois governos do Nordeste acusam Bolsonaro de disseminar fake news nas redes sociais sobre o montante de verbas da União destinadas aos estados. Por causa disso, eles querem algum tipo de remoção ou retração do conteúdo.

O procurador-geral da República, Augusto Aras, segundo o jornal, já comunicou ao ministro Dias Toffoli, do Supremo Tribunal Federal.

Aras assegurou que não é qualquer discussão que justifica a execução do Supremo e, por isso, o caso deve ser encaminhado à Justiça Federal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.