Após 18 pênaltis, Palmeiras é derrotado na Supercopa

inbound8476024701353005749

O início de temporada reservou o maior duelo entre Flamengo e Palmeiras nesta era em que ambos são os principais polos do futebol e brigam pela hegemonia nacional. E, pela Supercopa do Brasil, teve de tudo em um jogo elétrico e histórico, marcado pelo título do Flamengo conquistado através dos pênaltis, após empate em 2 a 2 – com gols de Raphael Veiga (2), Gabigol e Arrascaeta – no tempo regulamentar. O placar das penalidades foi de 6 a 5, após nada mais nada menos que 18 cobranças. Um roteiro impecável para os amantes do futebol.

Assim, o Flamengo se torna o primeiro bicampeão da Supercopa do Brasil. Nas penalidades, cabe destacar que Diego Alves brilhou, com três defesas.

O jogo permaneceu elétrico e destinou dois lances inacreditáveis envolvendo Weverton e linha de sua meta, ambas na reta final: uma em chute de Vitinho, a bola beijou a trave, e o goleiro beijou a bola (sim, literalmente); depois, praticamente na jogada derradeira, Gabigol chutou e a bola desfilou sobre a linha, mas o arqueiro foi buscar (VAR chegou a analisar). Nada… Os penais tiveram que decidir o memorável confronto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.